Baseado em Fatos

O Menino Emanuel - Franklin S. Carter

11 minutos – O que está lendo, meu filho? – Aquela história de como vocês escolheram meu nome. – É uma boa história, quer que a mamãe leia para você? – Dessa vez não, mamãe. Eu quero ler sozinho. – Tudo bem, meu coração. Eu estou bem ali na cozinha se precisar. – Tudo bem, mamãe, e obrigado! Maria beijou seu rosto e saiu. O menino Emanuel era uma doce criança; em seus olhos era possível perceber a mais tenra pureza, em seus lábios sempre existia um largo Continue lendo

Somente o Tempo - Franklin S. Carter

4 minutos Esse conto é inspirado numa linda jovem que conheci, mas ela não mora aqui, mora num lugar distante do outro lado do oceano. Eu não escutei sua voz, mas tenho impressão que ela tem uma daquelas vozes doces que nos dá vontade de escutar o dia inteiro sem parar. Mas, eu vi seu sorriso, eu vi duas fases do seu sorriso; uma de agora e outra de dois anos e seis meses antes de conhecê-la, que é por onde nossa história começa… Continue lendo

Depois que você partiu - Franklin S. Carter

6 minutos Oi Lelê!? Você não me conhece, na verdade nem eu te conheci. Mas, você mudou minha vida. Ou melhor, tem mudado dia após dia. Depois que você partiu eu faço inúmeras visitas ao seu perfil do Facebook, ao memorial que fizeram em sua homenagem. Fico olhando suas fotos, as mensagens de carinho e luto deixados por amigos e familiares, fico olhando seus vídeos, a alegria que você tinha, o exemplo que passava a todos com sua ternura e bondade. Eu estou escrevendo Continue lendo

5 minutos Eu descobri que perder você foi a coisa mais difícil da minha vida e cheguei a conclusão que eu deveria tê-la amado mais. Eu deveria ter cuidado mais de você e deveria ter te dado ouvidos quando você tentou lutar pelo nosso amor. Eu deveria ter percebido que estávamos morrendo, que nosso amor estava acabando ou que pelo menos eu estava destruindo o seu amor por mim. Eu deveria ter pausado o tempo, reavaliado a situação e criado uma nova brecha ou Continue lendo

O relógio e seu Tic Tac - Franklin S. Carter

3 minutos O relógio e seu “tic-tac”. Eu passo pela vida e a vida passa por mim. Sem retrocessos, apenas avanços, sem máquina do tempo, sem ter como consertar as falhas, apenas vivendo um dia de cada vez, aproximando-me do dia final. Pode ser amanhã ou daqui a noventa anos, não sei ao certo, só sei que quero viver e fazer viver todos a minha volta. O relógio passa, marca hora, marca tempo, marca vidas, e vidas são marcadas pelas suas horas, pelo seu tempo Continue lendo